Grandes astros da música que morreram em Agosto

August 2, 2016

Agosto é conhecido como um mês de mau agouro, famoso por trazer azar a quem casa durante esse período, alguns até chamam esse mês de "agosto, mês do desgosto".

 

Esse mês vem trazendo terror aos vivos desde o século XVI, várias tragédias e mortes aconteceram nele e no meio musical não seria diferente.

 

Abaixo a lista de alguns dos grandes ícones recente da história da música:

 

Elvis Presley 

 

Em agosto de 1953 Elvis Aron Presley entrou nos estúdios da Sun Records. Três anos depois ele já era conhecido como o Rei do Rock. Mas foi em agosto de 1956, quando um juiz pediu encarecidamente que ele tentasse usar sua pélvis de forma menos enfática, que ele se tornou uma lenda. Com mais de 30 filmes no currículo e gravações clássicas como "Jailhouse Rock", "Love Me Tender" e "Don't Be Cruel", Elvis se despediu no dia 16 de agosto de 1977, aos 42 anos.

 

Raul Seixas 

 

Nascido em Salvador, no dia 28 de junho de 1945, Raul Seixas associou o baião que ouvia em sua terra natal com o rock de Elvis Presley. Juntou essa mistura toda com elementos de metafísica, anarquia e uma fascinação por extraterrestres e o sobrenatural. Entre parcerias com Sérgio Sampaio, Paulo Coelho e Marcelo Nova, lançou 17 álbuns, foi considerado um subversivo e chegou a ser exilado em 1974.

 

Em 1978 o alcoolismo levou um terço de seu pâncreas. Em 21 de agosto de 1989 uma pancreatite levou Raul.

 

Luiz Gonzaga

 

Luiz Gonzaga aprendeu a tocar sanfona aos oito anos de idade. Aos dezessete, se alistou no exército, fugiu de Exu, no sertão de Pernambuco, e se dedicou a aprender novos ritmos pelo caminho. Mas foi com a cadência do xote que ele estourou no Programa Ary Barroso. Músicas como "Meu Pé de Serra", "Asa Branca" e "O Xote das Meninas" ajudaram a moldar e espalhar a cultura nordestina e transformaram Luiz Gonzaga no "Rei do Baião".

 

O artista faleceu aos 76 anos de idade no dia 2 de agosto com uma parada cardiorrespiratória.

 

Dorival Caymmi

 

Dorival Caymmi apareceu em uma época que o Brasil ainda não tinha uma identidade clara. Cantor, compositor, violonista, pintor e ator, ele foi responsável pelo clássico “O que é que a Baiana Tem?”, que levou Carmen Miranda ao estrelato.

 

Retratou a vida de negros e pescadores, cantou sobre a Bahia e ajudou a criar a imagem do brasileiro.

 

Morreu de falência múltipla dos órgãos, no Rio de Janeiro, no dia 16 de agosto de 2008.

 

Lupicínio Rodrigues

 

O “Rei da Dor de Cotovelo”. Foi com esse título que o porto-alegrense Lupicínio Rodrigues entrou para a história da música brasileira. Boêmio, criou sua primeira música aos 14 anos e foi elogiado por Noel Rosa quando o conheceu, aos 18. Compositor do hino do Grêmio, ganhou fama ao ter suas músicas de desamor interpretadas por Elza Soares e Maria Bethânia, entre muitas outras vozes.

 

Morreu em 27 de agosto de 1974.​

Please reload

Posts Recentes
Please reload